JOGOS OLÍMPICOS
RIO 2016
Os Jogos Olímpicos
no Rio de Janeiro
RIO 2016
Região do Maracanã
RIO 2016
Região da Barra da Tijuca
RIO 2016
Região de Copacabana
RIO 2016
Região de Deodoro

RIO 2016 - REGIÃO DO MARACANÃ


Mapa da Região do Maracanã com suas Arenas e Eventos

ARENAS EVENTOS
Estádio do Maracanã (20) Cerimônia
de Abertura
Cerimônia
de Encerramento
Futebol
Ginásio do Maracanãzinho (60) Vôleibol
Estado Olímpico Nilton Santos (4) Atletismo
Sambódromo (1) Atletismo - Maratona
Tiro com Arco
Retorna ao Início da Página



Estádio do Maracanã -

Um dos grandes ícones da cidade, o Estádio Jornalista Mário Filho ou como é mais conhecido Estádio do Maracanã foi palco das Cerimônias de Abertura e Encerramento Olímpicas e Paralímpicas e sediou o Torneio Olímpico de Futebol.

Originalmente construído em 1950 para a primeira Copa do Mundo da FIFA relizada no Brasil, o Maracanã e todo o seu entorno foram totalmente reformados para a segunda Copa do Mundo da FIFA de 2014, mas apesar disto depois da Copa passou por outra grande modifcação para receber a nova cobertura, garantindo uma instalação excepcional para os Jogos RIO 2016. O projeto de recuperação atingiu também grandes áreas de circulação de público e melhorias significativas na infraestrutura de transportes, incluindo metrô e trens.

Foto do Estádio do Maracanã tirada da Estação Maracanã da Linha 2 do Metrô Carioca.

O legado deixado pelo Maracanã é que ele continuará sendo o que já era: o maior e mais importante Estádio de Futebol do Rio de Janeiro e do Brasil onde são disputadas grandes Competições de Futebol e ocorrem grandes eventos da cidade. O Maracanã será sempre um grande orgulho da população carioca.

Um ponto negativo que cabe ressaltar foi o excesso de gastos envolvidos nas obras, mas isto ocorreu com todos os Estádios construídos para a Copa do Mundo. As obras diminuíram bastante a capacidade de público do Estádio que atualmente é de 78.600 lugares.


Conjunto de fotos tiradas no dia da Cerimônia de Abertura do RIO 2016, 5 de agosto de 2016: a primeira no entôrno do Estádio e a segunda dentro do Estádio.

Retorna ao Início da Página



Ginásio do Maracanãzinho -

O grande palco dos jogos de Vôleibol no Rio de Janeiro sempre foi o Ginásio Gilberto Cardoso mais conhecido como Maracanãzinho e não poderia ser diferente nos Jogos Olímpicos - RIO 2016.

O Maracanãzinho fica localizado no Bairro do Maracanã na Tijuca, faz parte do Complexo Esportivo do Maracanã. Um grande projeto de reforma foi posto em prática para os Jogos Pan-americano Rio 2007, posteriormente o Complexo Esportivo foi novamente reformado para sediar a final da Copa do Mundo da FIFA de 2014 e passou por outra reforma para os Jogos Olímpicos, mas o Maracanãzinho manteve muito da Reforma feita para os Jogos Pan-americano.

Conjunto de Fotos do Maracanãzinho durante os Jogos

O legado do Maracanãzinho é que ele continuará a ser o principal palco do Vôleibol brasileiro após os Jogos RIO 2016. Teve ainda as suas quadras de aquecimento reconstruídas, o que qualificará ainda mais suas instalações, servindo como importante local de treinamento para várias equipes e seleções. Será sempre um ponto importante do esporte do Rio e do Brasil. Sua capacidade atual é de 11.800 assentos.

Retorna ao Início da Página



Estádio Olímpico Nilton Santos -

O Estádio Olímpico João Havelange foi construído para os Jogos Pan-americanos Rio 2007 e teve sua capacidade permanentemente ampliada de 45.000 para 60.000 espectadores para os Jogos Olímpicos - RIO 2016. Além disso, o entorno do Estádio recebeu grandes intervenções urbanas com o objetivo de facilitar a sua operação durante os Jogos.

O Estádio teve que passar por obras depois de um acidente que ocorreu com um de seus arcos, depois de recuperado passou a chamar-se Estádio Olímpico Nilton Santos. Ele é de propriedade da Prefeitura do Rio de Janeiro mas está arrendado ao Botafogo Futebol e Regatas e encontra-se incorporado à cidade, além de ser o principal palco do Atletismo Brasileiro para grandes competições. Tornou-se também um importante Estádio de Futebol para o Rio e para o Brasil e tem sido palco de clássicos importantes de diversos Campeonatos Locais e Nacionais, que levam ao Estádio excelente público. Atualmente suas instalações encontram-se em excelente estado e tem trazido benefícios para a população local com iniciativas conjuntas dos Governos Federal e Municipal com o objetivo de revitalizar a região do Engenho de Dentro.




A primeira foto mostra uma panorâmica do Estádio, as outras duas formam um conjunto de fotos mostrando desde a Estação do Engenho de Dentro totalmente restaurada,
o entorno do Estádio e seu interior, todas do dia 18 de agosto de 2016.

Retorna ao Início da Página



Sambódromo -

O Sambódromo do Rio de Janeiro, tradicional palco dos desfiles das Escolas de Samba no Carnaval Carioca, recebeu o mais importante evento das Olímpíadas: a Maratona Feminina e Masculina que teve nele sua largada e chegada. O trajeto das Maratonas no entanto percorreu todo o Centro da cidade e o Aterro do Flamengo levando uma multidão a acompanhar todo o circuito, que inclusive teve como palco o recém inaugurado Boulevard Olímpico. O Sámbódromo também recebeu em suas instalações o torneio Olímpico de Tiro com Arco, tanto nas Fases Eliminatórias quanto nas Finais.

Situado muito próximo do Maracanã, suas instalações passou por uma grande reforma para os Jogos. A reforma foi um projeto da Prefeitura do Rio de Janeiro, possibilitando a requalificação desse importante marco da cidade e garantindo a revitalização do seu entorno.

A capacidade do Sambódromo para as Maratonas foi de 30.000 assentos e para o Tiro com Arco de 6.000 assentos. Em relação ao legado deixado foi de manter o Sambódromo como a "Passarela do Samba" do Carnaval já completamente incorporado à Cidade. Além do evento tradicional do Carnaval o Sambódromo também recebe shows diversos e até Competições Esportivas.


O Sambódromo em dia de Maratona e o Sambódromo preparado para o Tiro com Arco


RIO 2016
REGIÃO DO MARACANÃ
Cerimônia de Abertura Cerimônia de Encerramento
e Futebol
Vôleibol Atletismo Tiro Esportivo
Tiro com Arco



Retorna à página JOGOS OLÍMPICOS - RIO 2016
Retorna ao início da página